Nota de Repúdio ao Presidente da ADAGRI

559

A Associação dos Servidores da Ematerce (ASSEMA-CE) está profundamente decepcionada com a falta de reconhecimento demonstrada pelo presidente da Adagri, Sr. Elmo Aguiar, durante sua recente entrevista no Programa Nordeste Rural que na ocasião, foi pautada sobre a Campanha de Vacinação para o combate da Febre Aftosa . É lamentável que ele tenha falhado em reconhecer a contribuição vital da Ematerce e dos(as) ematercianos(as) para o desenvolvimento da agropecuária na região, assim como o seu papel crucial na bem-sucedida campanha de vacinação contra a febre aftosa.

Além disso, é lamentável que o presidente da Adagri tenha negligenciado mencionar parceiros igualmente importantes, como o Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa), Superintendência Federal de Agricultura (SFA/CE), Secretaria do Desenvolvimento Econômico do Ceará (SDE), Secretaria do Desenvolvimento Agrário do Ceará (SDA), Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Ceará (Ematerce), Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Ceará (FAEC/Senar), Federação dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares do Estado do Ceará (Fetraece), Associação dos Municípios e Prefeitos do Estado do Ceará (Aprece), que têm desempenhado um papel fundamental no apoio ao progresso da agricultura e pecuária em nosso estado.

Este tipo de falta de reconhecimento mina o trabalho árduo e dedicado dos(as) ematercianos(as) e de todos(as) os envolvidos na promoção do desenvolvimento agrícola. É essencial que os líderes reconheçam e valorizem os esforços de todos(as) os(as) trabalhadores(as) e parceiros, para que juntos possam alcançar melhores resultados e avançar  ainda mais na construção de uma agricultura mais próspera e sustentável para o nosso Ceará. Esperamos que o presidente da Adagri reconsidere suas declarações e reconheça publicamente a importância dos parceiros e dos(as) trabalhadores(as) do campo, garantindo assim um ambiente de cooperação e respeito mútuo para o benefício de todos os envolvidos no setor agropecuário.

 

Exigimos respeito!
Diretoria da Assema-CE
Fortaleza-CE, 06 de maio de 2024