ASSEMA-CE promove debate sobre o reajuste no Plano de Saúde da Unimed

162

ASSEMA-CE promove debate sobre o reajuste no Plano de Saúde da Unimed

A ASSEMA-CE promoveu um debate muito importante sobre o reajuste no Plano de Saúde da Unimed, visando garantir a continuidade dos serviços prestados aos usuários ou não dependendo do índice que será reajustado e em concordância com os associados. A referida reunião ocorreu na manhã desta terça-feira, 27/02, no auditório da Ematerce. Durante a reunião, foram discutidas as receitas e despesas do Plano de Saúde da Unimed no qual foi contratado, que atualmente apresentam um déficit preocupante. Os representantes da ASSEMA e da Unimed trocaram ideias e opiniões, procurando chegar a um consenso que atenda às necessidades dos usuários e da prestadora de serviços de saúde.

Ficou evidente a preocupação dos associados da ASSEMA com o índice de reajuste proposto pela Unimed, demonstrando insatisfação com o aumento sugerido. Os representantes da Unimed se mostraram receptivos às críticas e prometeram levar todas as questões levantadas para a diretoria da empresa, na tentativa de encontrar soluções que atendam aos interesses de ambas as partes.

A diretoria da Assema reforça que o diálogo aberto e construtivo entre ASSEMA e Unimed é fundamental para o bom funcionamento do Plano de Saúde e para garantir um atendimento de qualidade aos usuários. A busca por um equilíbrio financeiro é essencial para assegurar a sustentabilidade do serviço e a satisfação dos beneficiários.

Confira abaixo a relatoria da reunião:

A reunião com os servidores da Ematerce, usuários do plano de Saúde da Unimed, ocorreu na última terça-feira, dia 27/2, no auditório da Ematerce, com uma boa participação, o gerente comercial, Sr. Maurício, e a gestora de Negócios da Unimed, Sra. Leidiane, deram as boas-vindas e apresentaram um vídeo sobre os serviços da Unimed Ceará, incluindo o cartão virtual, teleconsulta, atendimento virtual, entre outros.

Foram discutidas as receitas e despesas da Unimed, com o contrato atual apresentando um déficit de cerca de 2 milhões e uma sinistralidade de 83,47%, acima do contrato vigente de 70%, na ocasião, foi ressaltada a necessidade de equilíbrio financeiro para garantir a continuidade dos serviços prestados;

Representando a ASSEMA estavam o presidente, Sr. Sidonio Fragoso, a diretora Administrativa Iolanda Alcântara e a diretora Tesoureira Maria de Jesus (Dijé);

O presidente iniciou a reunião apresentando os representantes da Unimed e mencionou as reuniões anteriores em que foi debatido o índice proposto pela prestadora, inicialmente de 19,24%, que não foi aceito pela diretoria.

Alguns associados da ASSEMA demonstraram insatisfação com o índice apresentado e expressaram queixas em relação ao plano vigente, especialmente em relação a dificuldades como marcação de consultas e falta de homecare. A marcação de consultas e a disponibilidade de homecare são aspectos essenciais para a qualidade do atendimento

Os representantes da Unimed ouviram atentamente as questões levantadas pelos ematercianos e se comprometeram a apresentá-las à diretoria da Unimed.

Foi questionado o motivo do reajuste do plano na coparticipação, na ocasião foi esclarecido que a modalidade sofre o mesmo reajuste devido à mutualidade dos contratos.

Durante a discussão, a plenária enfatizou que não aceitaria um reajuste superior a 9,63%, índice da ANS, enquanto a equipe da Unimed informou que não poderia reduzir além de 12%, comprometendo-se a levar a proposta à diretoria e retornar com um resultado.

Em seguida, encerramento da reunião.